4 dicas básicas de como conservar cabos de áudio

24 de agosto de 2017 por na categoria Áudio com 0 e 0
Home > Blog > Áudio > 4 dicas básicas de como conservar cabos de áudio

Todo músico sabe que os cabos são acessórios de extrema importância, afinal sem eles nada de som! E assim como todos os componentes do seu equipamento musical, os cabos precisam de alguns cuidados básicos de conservação, tanto para durarem mais quanto para você não ficar na mão com um cabo danificado quando mais precisa. Alguns cabos são caros, outros têm grande valor de estimação, então seja qual for o seu caso, siga essas dicas para conservá-los da melhor maneira, garantindo funcionamento perfeito e maior durabilidade.

 

Para enrolar um cabo, estique-o no chão ou sobre uma superfície plana, como uma mesa. Segure uma das pontas e vá enrolando para formar círculos, como se fosse uma mola. Tome cuidado para que cada volta fique do mesmo tamanho das outras. O cabo enrolado deve ter uma circunferência mínima para que ele não fique tencionado demais, o que pode ser considerado como uns 30cm. Depois, prenda com 2 fitas de velcro, uma em cada base dos plugs, assim as voltas não se soltam e também ajuda a prevenir batidas nos plugs. Evite prender os cabos com fita adesiva, pois a cola pode ficar grudada e virar uma meleca que é difícil de tirar! Como muitos cabos já vêm enrolados de fábrica, em suas embalagens originais, é só seguir as voltas que eles provavelmente já têm. Guarde os cabos enrolados em sacos ou bolsas.

Existem carretéis para enrolar e guardar os cabos, o que pode ser uma saída muito boa, já que ele vai ficar no formato certo. Só tome cuidado com a circunferência mínima.

 

Os cabos devem ser guardados em local arejado, longe do sol, da umidade, do calor e de produtos químicos. Também é importante não colocar peso sobre eles e não amassá-los. Se os cabos forem ficar guardados por muito tempo, os plugs podem sofrer oxidação e o material externo (a capa protetora) pode derreter, grudar ou mesmo apresentar rasgos por causa do tempo excessivo com tensão, quando enrolados, por isso é bom dar uma arejada e estica-los pelo menos 1 vez por mês. Usar saquinhos de sílica é uma boa para evitar a umidade e oxidação dar partes de metal.

 

Para limpar os cabos, evite o uso de produtos químicos ou de materiais que possam causar riscos, como esponjas de aço. Use uma flanela limpa umedecida com um pouco de água (só o suficiente para deixar a flanela ligeiramente úmida, sem encharcar). Depois é só deixar secar na sombra, pois se guardar com umidade pode criar mofo.

É importante limpar os cabos pois poeira, gordura das mãos e outros contaminantes podem danificar a parte externa a longo prazo.

 

O transporte dos cabos deve ser feito de modo que eles não se amassem, não sofram peso sobre eles e nem pancadas. O melhor é leva-los em uma bolsa, sacola ou caixa em cima dos outros objetos. Existem bolsas com diversos compartimentos para transportar e guardar os cabos separadamente, ideal para quem tem muitos cabos e acessórios. Também evite calor e umidade durante o transporte.

 

É isso! São dicas básicas mas que fazem toda a diferença na conservação dos seus cabos. Agora plugue e deixe o som sair!

Adicionar comentário

© 2017 Todos os direitos reservados - SPARFLEX - Fios e Cabos Especiais ~ Desenvolvido por Toulouse Comunicação